Juntos, a gente consegue!

Não é do front. No front estão a Cacá e os intensivistas. Estamos na retaguarda, fazendo o possível para viabilizar e efetivar as coisas.

Ontem o Padre Cláudio Barradas esteve com a Cacá de manhã cedo. Ela gostou da visita.

De manhã o paizão Murilo entrou e disse que ela estava bem. Fomos ao hospital à tarde, mas já encontramos a Cacá um pouco desanimada, mas as petéquias, tenho a impressão, estão diminuindo.  O problema que a taxa de plaquetas também diminuiu um pouco de ontem pra hoje, o inchaço do corpo e a ascite aumentaram. Ela tá com uma queda de cabelo intensa, desde antes da UTI, não sei se isso pode significar alguma coisa também. Fica como registro.

Conseguimos estender um pouquinho nosso horário com a Cacá: existem alguns anjos também no hospital, e todos querem o bem dela. Uma psicóloga (prefiro não citar o nome para poupar qualquer constrangimento profissional) intercedeu junto com a equipe da UTI e disse que iria visitar a Cacá, mesmo que não fosse sua atribuição. Auxiliares, porteiros, enfermeiros, médicos… todos nos encontram no corredor e transmitem a fé na recuperação da Cacá. Recebemos bilhetinhos e presentes do posto de enfermagem anterior à internação da Cacá na UTI, conversamos com os demais acompanhantes e descobrimos que temos mais em comum que o fato de termos queridos internados na UTI: temos fé.

Estou aprendendo a rezar o terço (confesso, eu não sabia).

Aguardamos bastante para receber o boletim, que veio hoje a tarde. O médico disse que a Cacá vai receber mais plaquetas hoje e fazer nova paracentese de alívio, ainda esta noite. Desta vez vão encaminhar o líquido (que prevêem em torno de 4 a 5 litros) para análises.

Hoje encaminhamos o bloco da biópsia do fígado, feita em março, para a UNIFESP. A ponte-aérea Rio/São Paulo/Belém já foi estabelecida através da minha cunhada, Marly e estamos mantendo todos os médicos em diálogo constante para podermos otimizar um diagnóstico ou melhores procedimentos.

Notícia urgente de última hora:

De acordo com a conversa entre os médicos de Belém-Rio de Janeiro-São Paulo, a nova suspeita diagnóstica é a Síndrome de Budd-Chiari. Não é algo simples, mas já uma nova janela.

Anúncios

Comentários em: "Notícias da Trincheira" (1)

  1. […] porém já existe uma suspeita bem plausível. Confira o que diz a própria mãe da Cacá em recente post no blog: De acordo com a conversa entre os médicos de Belém-Rio de Janeiro-São Paulo, a nova suspeita […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: